Liderar e influência são duas palavras correlacionadas entre si. Liderar significa influenciar as pessoas, nesse caso, os colaboradores em uma empresa, através de importantes competências, para alcançar os resultados. Liderar também significa administrar resistências a mudanças e conflitos que, eventualmente, possam surgir pelo caminho, bem como delegar responsabilidades sem deixar de estar no controle da situação. Mas, além disso, liderar é, acima de tudo, cumprir todas essas funções, sem desrespeitar o outro — buscando, sempre, manter o bem-estar geral da equipe.

Engana-se quem pensa que estar no comando é ditar ordens ou ser o legal. Ser um líder é inspirar o time de trabalho através do exemplo. É preservar uma postura honesta, ética, coerente, equilibrada. E demonstrar muita determinação. Conquistando, desta forma, uma das principais responsabilidades do gestor, a confiança do grupo.

 

Dicas para exercer uma boa liderança:

Relacionamento Interpessoal

Boas relações no ambiente de trabalho garantem uma rotina mais agradável, um ambiente mais inovador e principalmente o alcance de maiores níveis de produtividade.

Bons relacionamentos também são necessários para o desenvolvimento de liderar. Afinal, você não possui uma boa relação com seus superiores, é mais difícil ter seu nome considerado para uma posição mais elevada na hierarquia.

 

Saber Ouvir

Ser um bom ouvinte aumenta a capacidade das pessoas em busca de cargos de liderança a atingirem seus objetivos de uma forma mais rápida e eficaz. O líder que realmente sabe ouvir torna-se um profissional mais competitivo.

Saber ouvir envolve bem mais do que apenas ouvir em silêncio o que outro está falando. Um bom ouvinte soma ao diálogo, promovendo pequenas interações estimulantes, de modo a provocar nos interlocutores novos pontos de vista.

Isso mostra que a pessoa não só está ouvindo, mas prestando atenção e processando toda a informação, de forma a trabalhar os dados que possam contribuir para a conversa.

 

Ser amigável

É fundamental para quem está em uma posição de liderar nas empresas ser amigável com as pessoas. Isso não significa extrapolar as relações profissionais ou ser íntimo dos colaboradores. Significa não estar na defensiva e nem apenas distribuir ordens, sem tato ou educação.

Pequenas ações como não agir de maneira agressiva, ser compreensivo, se comunicar bem com as pessoas e buscar um ambiente de trabalho mais solidário, contribuem muito para que o líder seja visto como alguém acessível e educado, com o qual se pode conversar.

Além disso, as pessoas verão em você alguém confiável, alguém que poderá ajudá-las a resolver problemas e com a qual sempre poderão contar dentro da empresa. Sua presença trará a sensação de segurança para a equipe, pois você será referência de confiança.

Agir dessa forma também é um bom exemplo e pode ajudar muito a fazer com que todos sejam mais sociáveis, o que colabora para deixar o clima na empresa mais leve. Isso só contribui para deixar as pessoas motivadas e felizes.

A influência da liderança na produtividade:

A influência que a liderança pode exercer na produtividade dos colaboradores é um fator determinante para alcançar bons resultados dentro de uma empresa.

Isso porque liderar é o responsável por direcionar o trabalho das equipes para que os objetivos sejam alcançados, identificar quais pontos podem ser melhorados para aumentar o desempenho e influenciar no entusiasmo dos colaboradores.

Ou seja, é esse profissional que fornece as ferramentas necessárias para que os funcionários apresentem bons resultados, como:

Planejamento claro e preciso;

Gestão de tempo adequada;

Treinamentos pertinentes;

Disponibilidade dos recursos necessários;

Promoção e manutenção do engajamento das equipes.

 

A produtividade da equipe acompanhará o perfil de sua liderança. Se a gestão de pessoas for boa, a produtividade também será boa. Já se essa liderança for falha, os resultados vão deixar a desejar.